Programa do Treinamento

Treinos  de oratória, aprimoramento de postura, movimentos, gestos, expressão das emoções, desenvolvimento de habilidade para improvisar e lidar com imprevistos, exercício de apresentações com espontaneidade e impacto e renovação pessoal, fundamentados pela terapia cognitivo-comportamental.

 

Neste Treinamento você exercitará técnicas para falar melhor em público através de atividades teatrais, este é o propósito principal. E falar melhor depende de treino. Qualquer técnica é fácil de ser assimilada e para isto nos basta só estarmos disponíveis a ela. Entretanto como estamos emocionalmente para absorver tais técnicas?  Preparados ou temos medo e ansiedade ao falar?  E ansiedade é assim: nada aconteceu e na mente já esta tudo desabando … A estratégia dos treinos é afinar nosso instrumento, isto é, o corpo, voz, humor, o emocional, autoestima e assim ficarmos mais aptos para nos expor publicamente e obter melhorias sociais e profissionais.

 

24993285_866878980147386_8216861892457516037_n

 

1. Treinos de Oratória em Grupo

Abordagens sobre Técnicas de Memorização

Oratória – Apresentação de um tema (introdução, desenvolvimento e conclusão)

Oratória individualizada e em grupo / Storytelling (técnica para se contar história)

Falar sem constrangimento / Construir uma imagem confiante / Driblar o ‘branco’

Dosar cacoetes e vícios / Gesticular com naturalidade e obter postura adequada / Seduzir ouvinte indiferente / Estudo do olhar confiante e cativante

Contornar situações inesperadas / Responder a perguntas com espontaneidade e segurança / Corrigir a linguagem e ampliar o vocabulário

Falar e ler em pé ou sentado / Coordenar as ideias de maneira lógica

Língua Portuguesa: prática da língua padrão / Avaliação de vícios de linguagem

Ações da fala: quando o dizer é fazer

Aprender a se ouvir e ao outro / Como dar uma aula

Apresentações com microfone e sem microfone e gravadas para análise / Relação com a câmera em apresentações públicas: oratória/cenas teatrais e monólogos.

Reconhecimento do estilo de expressão verbal e corporal de cada aluno apontado pelo instrutor  para se adquirir profundidade e personalidade nele.

Exercício prático de liderança e como se comportar numa reunião de trabalho.

Marketing Pessoal / Fortalecimento da auto estima e auto eficácia  / Exposição de um ponto de vista e conscientização do conflito de interesses

2. Treinos de atividades teatrais

Jogos variados de improviso (trabalha-se rapidez de raciocínio, observação, destravamento de emoções, intuição, descontração, propriocepção, etc)

Construção de personagem / Monólogos (trabalha-se emoção, voz: ritmo, intensidade e entonação da fala, noção de espaço físico, propriocepção, etc)

Construção de cenas de textos teatrais: comédia e drama ( trabalha-se emoção, o contracenar, observação, propriocepção, etc)

O humor, como instrumento de uma boa comunicação. / Exercício da força do olhar para atingir uma expressão desejada.

Improviso de um julgamento jurídico (defesa/acusação e juri).

Simulação de reunião de trabalho.

  1. Treinos de Leitura em Público

Técnica para Leitura em público (sentado, em pé e com microfone)

  1. Treinos de expressão corporal e ritmo

Ritmos / Improvisação rítmica / Expressão Corporal

  1. Treinos de Voz

Projeção da voz / Volume, ritmo, entonação e intensidade da voz / Caixas de ressonância / Uso adequado do microfone

Também

Trabalhamos no Teatro & Oratória como num Processo de Coaching. O que seria isto? São metas de mudanças pessoais e profissionais que se quer atingir, mas se precisa do treino para obtê-las. O Instrutor de Coaching facilita o treinamento fazendo com que a pessoa encontre o caminho por si mesma, utilizando para isso um processo de aprendizagem e autoconhecimento.

Feedback – Avaliação de desempenho a cada encontro dos pensamentos, emoções e comportamentos recorrentes oriundos do medo e da ansiedade ao falar em público, tendo como base os fundamentos da terapia cognitivo-comportamental e também estratégias para reformular a mente e atingir resultados com melhor desempenho profissional, social e afetivo. / Módulo 2 se assim a turma requisitar. O conteúdo programático do módulo 2 envolve aprofundamento da retórica, storytelling, oratória e jogos de improviso / Atestado de participação quando requisitado pelo aluno.

 

teatro oratória pra timidos

O medo do improviso ao falar em público atrapalha bem nossa vida. Ele adia projetos, desejos e necessidades.

Passamos a vida temendo em ouvir tal frase: “Eu não lhe avisei….?!” E assim desenvolvemos internamente uma ansiedade e um medo de errar algumas vezes, incalculável. Neste treinamento  buscamos contra argumentar a frase acima com um novo raciocínio:  Eu não lhe avisei que é permitido falhar ?! É no erro que aprendemos, é com a falha que crescemos e é com o tropeço que encontramos nossa real identidade para resolvê-lo. Todos nós sabemos disto, não? Este Treinamento também …. E os treinos com isto possibilitam-nos a praticar e transformarmos. O fato de ter errado publicamente e termos superados muitas vezes nos dá  a liberdade e firmeza em nos afirmar: arrisquemos!  Evitemos ser uma presa de qualquer indiferença e de julgamento alheio. Se  não administramos este tipo de deficiência hoje, corremos o risco de possível danos profissionais no futuro.

Algum tipo de insatisfação pessoal  lhe impede de avaliar suas reais qualidades?

É possível! Insatisfação pessoal nos cega e  impede de percebermos o que  fazemos de bom.  Timidez também nos dificulta de enxergar as ‘possibilidades’ que a vida nos tem oferecido. E aí nos frustramos porque não conseguimos crescer como pessoa e como profissional. Claro, para crescermos dependemos de uma boa convivência com o outro e conosco. Administrar melhor nossas emoções, nos ajuda a  ter uma identidade com mais viço, brilho e vigor. Atividades teatrais normalmente nos ajudam neste sentido. Elas trabalham nossas emoções, os sentimentos e  humor.

Se deseja saber mais sobre insatisfação pessoal crônica, clique na página: https://fazendoteatro.com/insatisfacao-cronica-pessoal/

Dê um ‘chega pra lá’ neste seu medo. Administre-se emocionalmente.

Você não superará todas as suas dificuldades neste Treinamento, entretanto terá oportunidade de administrá-las e adquirirá uma nova e mais positiva referência de si em momentos de exposição. É claro que depois de concluído os treinos aqui e ali ocorrerão algumas recaídas de pânico devido a alguma exposição no cotidiano, porém você terá as experiências do curso como ferramentas para refletir e resgatar sua autoestima.

Evite afogar-se na tigela

Como sabemos se estamos resistindo a algo? Excesso de julgamento é um bom sintoma para avaliarmos esta resistência …. Ouse !

Quem não lida emocionalmente bem com sua inteligência tem tendência a se exceder em preocupações e zelos diante de qualquer situação nova, do tipo que acaba facilmente se afogando numa tigelinha, isto é, dramatizando excessivamente as situações. Eu lhe proponho trabalhar o seu senso de humor para que não fique simplesmente focado no problema e sim, nas soluções. O humor é  uma ferramenta imprescindível e todos nós o temos, cada um a sua maneira. Venha descobrir o seu jeito ! E só quando o pensamento brinca que as boas ideias chegam. Boas ideias para resolvermos nossas importantes questões pessoais e profissionais. Nossos treinos neste curso incentivam este espírito brincalhão. O aprendizado assim é facilitado.

Plante a semente. Surpreenda a si mesmo.

Plante a semente de alguma renovação em você.  O medo nunca resolveu nada. Use sua coragem. A coragem contagia. Use-se !!!

 

Temos a tendência  em associar “baixa autoestima” a ter problemas em aceitar nossas características físicas e no entanto baixa autoestima está relacionada à falta de confiança em si  mesmo, dificuldade em reconhecer nossas conquistas, medo de rejeição, má administração da timidez, tendência a adiar projetos e  vontades, hábito de  se comparar aos outros, perfeccionismo, medo de se expressar publicamente, insatisfação pessoal crônica  e sensação de incapacidade. Portanto, pratiquemos  nossa identidade no mundo!

O curso é uma ponte e não um fim.

No Treinamento  a superação das dificuldades não significa que o problema  deixou de existir, significa  que ele não controla tanto mais a nossa vida.

semeando

Não se supera medos e ansiedade com poucos treinos! E eu acredito que nem em um ano de qualquer treino, porque este é um exercício de amor próprio para a vida toda.E ansiedade é um traço de temperamento da pessoa, o importante é administrá-la bem. Meu interesse e vontade é possibilitar ao outro, à você, plantar em si a semente da transformação através do conteúdo programático proposto, exercitando-o. Como uma semente o participante precisará cuidar desta administração emocional ao longo da vida.

Nós trabalhamos porque alguém precisa do resultado do nosso trabalho. Renovação é imprescindível caso estejamos tendo um  resultado mau e se você não esta conseguindo falar bem em público e seu trabalho e o seu estudo lhe cobram isto, então,  estará em desvantagem a algum outro colega com melhores resultados que os  seus e consequentemente você estará impedindo que a engrenagem de seu sistema de trabalho  ou estudo caminhem com fluidez. E não desejamos isto para nós. O que desejamos sempre para nós é ter um bom marketing pessoal no ambiente onde trabalhamos e estudamos. Você pode se ajudar neste curso ao trabalhar novas características suas que até então lhe eram desconhecidas e isto lhe fortalecerá e agregará mais valor aos seus resultados e à sua apresentação pessoal e profissional.

Os treinos se transformam um teste para você, um meio de se avaliar onde você é forte e onde em você ocorre alguma fragilidade, para a descoberta do quanto você esta livre para exercitar alguma atividade e do quanto está inibido para outras atividades, quais são os seus padrões e hábitos e a partir daí buscar em si um ajuste disto à sua identidade e à sua auto estima.

Só aquele que pratica aprende.

Você pode ter muitas dúvidas, tremer de medo, falhar muitas vezes …  E  ainda ter sucesso! Se você decidir participar do treinamento, o ato de administrar qualquer desconforto e ansiedade antes, durante e depois da primeira aula faz parte do processo terapêutico dos treinos. Então, reconheça suas defesas ao vir pra aula, encoraje-se e apareça! Saia da defensiva. Este pode ser um primeiro passo para outros que poderão vir a seguir ….  E boa Oratória para você, se assim você se determinar. Conte com você ….. E comigo!

Caso tenha  interesse por mais informações sobre o curso, clique nesta página: https://fazendoteatro.com/como-este-treinamento-pode-lhe-ajudar/

Abraço.

assinatura